Wednesday, November 19, 2008

Dezessete versinhos para Um amor.

I

e quando eu a conheci...
eu não lembro bem do dia,
mas sei que hoje, a alegria,
é sonhar em tê-la em meus braços.

II

entre tantos ladrões
ela olhou para esse e viu
que por trás dos panos, os roubos
têm mais de mil significados.

III


e se eu a vir sorrindo,
terei certeza que não há nada mais lindo
e que é essa toda a beleza
que eu quero para a minha vida.

IV

quando me diz um bom dia
todo o dia fica bom
lindo como no dia
em que a gente se achou.

V

é nela, em sua voz,
seus olhos, suas mãos,
que me encontro perdido
e me sinto feliz por isso.


VI

e quando penso em tê-la em meus braços
e sentir seu cheiro nas manhãs quentes de domingo
chego a achar que não há mais dor
nisso que é a chamada vida.

VII

há noites que penso estar com ela,
conhecendo-a por inteiro; corpo e alma
há noites em que penso estar no inferno
longe de tudo o que me faz pensar nela.

VIII

é dela que vem cada linha,
cada verso, estrofe, parágrafo.
é dela que vem toda a minha inspiração
com ou sem clichês de coração.

IX

os sonhos em que a vejo,
em que a tenho,
são ainda melhores que os sonhos
em que eu não existo.

X

antes mesmo de abrir os olhos pela manhã,
sempre desejo ouvir o som da sua leve respiração
e quando abro os olhos quero ver
seu corpo respousando em nossa cama.

XI

eu te amo mais que o paraíso é bonito,
mais que o inferno tem gente,
mais que o purgatório se estende.
eu te amo mais. muito mais.

XII

e quando o teus lábios tocarem os meus
e tua língua tocar a minha
saberei de uma vez por todas
o melhor sabor da vida.

XIII

eu começo a temer
quando penso em você
mais que já pensei
em outra qualquer.

XIV

ela é como o raio de sol
depois de uma noite sem luar,
ela é como uma estrela brilhando,
oscilando linda no ar.

XV

cantaria mil canções de mil cantores,
recitaria mil poemas de mil poetas,
se assim eu a trouxesse para junto de mim
se assim ela ficasse comigo aqui.

XVI

é por ela ser como nenhuma outra é
de um jeito que todas as outras poderiam ser
que eu a desejo tanto para mim,
por saber que só ela é o que me faz completo.

XVII


Esses foram os dezessete versinhos para meu amor
que em tão pouco tempo
tanta coisa em mim despertou
dezessete versinhos para dona do meu coração.

1 comment:

Fe said...

to doce de tanto mel x)~~

Felicidades senhora v. =}